.ღ Saudade lembrada, saudade sentida, saudade hoje e para o resto da vida...saudade eterna! ღ

.ღ Saudade lembrada, saudade sentida, saudade hoje e para o resto da vida...saudade eterna! ღ

.

.

ღ NO MOMENTO AS HOMENAGENS ESTÂO SUSPENSAS! Abraços fraternos!

ღ NO MOMENTO AS HOMENAGENS ESTÂO SUSPENSAS!  Abraços fraternos!
As homenagens são publicadas conforme a disponibilidade de tempo. Se ela chegar sem foto e mensagem não poderei publicar. As homenagens são publicadas conforme a ordem de chegada no e-mail.

.

.

ღ NO MOMENTO AS HOMENAGENS ESTÂO SUSPENSAS! ABRAÇOS FRATERNOS!

sábado, 16 de outubro de 2010

Dia do Médico - 18 de outubro



SER MÉDICO

Ser Médico...
aliviar sofrimentos
penetrar fundo nos tormentos
da humanidade

Ser Médico...
dar de si profundamente
sentir a dor do doente
compreender a sua sorte
é se doar por inteiro
é romper o nevoeiro
que separa vida e morte

Ser Médico...
uma vida a dar vidas
a mão que cura feridas
a palavra que conforta
o olhar compadecido
ele é sempre o amigo
que ao bater lhe abre a porta

Ser Médico...
é infundir confiança
ao velho, ao jovem, à criança
é ser de Deus o instrumento
dando alívio à dor alheia
tecer fibra a fibra uma teia
seguindo o seu juramento

Ser Médico...
é ter na mão a leveza
agir com delicadeza
é ver em cada criatura
o pai, a mãe, o filho, o parente
para que seu trabalho apresente
o dom verdadeiro da cura

Ser Médico...
é empreender com carinho
conhecer e traçar seu caminho
sem jamais pensar no tédio
comprimidos não resolvem
nem diplomas se devolvem...
é uma paixão sem remédio
!!!
.
Dedico esta poesia a minha amada filha Carolina Montresor
Futura Médica da Familia
Rejane Montresor

Poesia de autoria da Drª. Murita L. da Cruz Rios Sampaio,
em homenagem ao dia do médico - 18 de outubro.


Oração do Médico

Vós sois o Grande Médico, Senhor!

Humildemente, antes de iniciar o meu trabalho,
ajoelho-me diante de Vós
e Vos peço para que a Vossa inspiração se faça presente em mim!

Dai habilidade às minhas mãos,
lucidez ao meu espírito
e compreensão ao meu coração!

Dai-me discernimento para corrigir meus erros
e força para poder aliviar, ao menos em parte,
a carga de sofrimentos dos meus semelhantes.

Concedei-me hoje e sempre,
as graças de poder continuar sendo Vosso instrumento
e levar a bom termo a sagrada missão que me confiastes,
e de ser sempre digno dela,
em honra do Vosso Santo Nome!

Que nos momentos da minha limitação humana,
eu possa contar sempre com a Vossa misericórdia
e com o consolo da certeza do dever cumprido.

Que a luz das Vossas Mãos
esteja sempre sobre as minhas!

Abençoai-me Senhor,
e a todos os que estão comigo nessa jornada.
Permiti, Pai de bondade,
que ao fim de mais este dia de trabalho,
eu possa novamente ajoelhar-me diante de Vós e dizer:
Obrigado, Senhor!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Saudade lembrada, saudade sentida, saudade hoje e para o resto da vida...saudade eterna!

Nosso pedacinho do céu...