.ღ Saudade lembrada, saudade sentida, saudade hoje e para o resto da vida...saudade eterna! ღ

.ღ Saudade lembrada, saudade sentida, saudade hoje e para o resto da vida...saudade eterna! ღ

.

.

ღ NO MOMENTO AS HOMENAGENS ESTÂO SUSPENSAS! Abraços fraternos!

ღ NO MOMENTO AS HOMENAGENS ESTÂO SUSPENSAS!  Abraços fraternos!
As homenagens são publicadas conforme a disponibilidade de tempo. Se ela chegar sem foto e mensagem não poderei publicar. As homenagens são publicadas conforme a ordem de chegada no e-mail.

.

.

ღ NO MOMENTO AS HOMENAGENS ESTÂO SUSPENSAS! ABRAÇOS FRATERNOS!

domingo, 27 de fevereiro de 2011

SIMPLESMENTE,LUZ...



SIMPLESMENTE,LUZ...

É preciso luz...senão a escuridão não descansa!
É precio o nascer da luz no caminho...
Luz, no olhar.
Luz no amar.
É preciso luz!
Luz nas palavras escurecidas pelas dores sentidas.
Luz nos gestos,
Luz dos olhos,
Luz nos olhos...
É preciso luz...
Por entre as trevas de pensamentos.
Luz nos sentimentos.
É simplesmente, luz!
Que irradia.Alumia.Clareia.Revela.
É preciso luz derramada nas trevas da cegueira da aceitação.
É preciso luz, que aqueça, germine, revele toda escuridão.
Luz sobre o que já não é...
Luz no que pensou ter sido...
Luz nos dias idos...
Simplesmente, luz!
Sobre,dentro, fora, envolta em quem se acha num dia, em que já foi,esteve perdido.

Poesia M. Deccache

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

Estrelinha Bono



✰22/02/2011

Bono

Meu querido Bono,
hoje 22/02/2011 você morreu em meus braços.
Foi nesta tarde, desta vez não consegui te salvar.
Obrigada por estes 12 anos e 9 meses em que vivemos juntos, meu cachorrinho Bono.
Todos de chamavam de bebê e anjo (apesar de ser de porte médio) pois sua carinha era de um cãozinho muito meigo mesmo.
Cuidava de minha mãe e de mim quando ficávamos doentes, lembro-me que ficava ao nosso lado na cama e colocava sua pata sobre nós, como se estivesse perguntando "está melhor?".
Nunca dormia sem que todos na casa tb estivessem dormindo ou não tivessem chegado (pois esperava por todos e recebia com alegria).
Era amigo dos gatos, dos passsarinhos.
Lembro-me de uma vez em que cuidei de um cachorrinho de rua e vc o deixava dormir junto contigo em sua casinha e ainda cuidava dele tb, latindo para me avisar de algo que ele precisava. Deixava ele comer primeiro, às vezes ele até "roubava" sua casinha e vc não ligava, gostava.
Enfim, estou com um nó na garganta...pois me sinto muito culpada em não ter conseguido te salvar dessa vez (devo ter errado em algum lugar).
Meu anjo, te peço perdão se não pude te salvar dessa vez, perdoe minha ignorância e por momentos que poderiam ter sido melhores.
Hoje sinto que foi um presente de Deus em minha vida.
Rogo a Deus, à mãe natureza,a São Francisco que cuidem bem de vc onde estiver, te guiem,que tirem sua dor, que te deem paz e alegria e a companhia de outros anjinhos que estão contigo.
Rogo a Deus que um dia possamos nos encontrar.
Eu e dona Maria estamos chorando e rezando por ti.
Bono, minha vida nunca mais será a mesma.
Obrigada a este site, pelo conforto de ver quantas pessoas que amam seus animais e acreditam que eles estão num lugar de paz, sendo bem cuidados. Espero que eles estejam todos juntos brincando e felizes.



Luciana


terça-feira, 22 de fevereiro de 2011

Saudades... Daddy




UM ANO SEM O DADDY



Ontem, 19 de Fevereiro, fez um ano que esse pitbull maravilhoso nos deixou. Mas deixou no mundo uma lição que continua sendo divulgada por todos que o conheceram e o amaram: um pitbull pode ser um cão tão bom quanto qualquer outro. Daddy foi o embaixador da raça pitbull no mundo inteiro, devido a seu trabalho reabilitando cães agressivos juntamente com seu dono, o "Encantador de Cães" Cesar Millan.

Saudade, Daddy! Corre feliz nos campos de São Chiquinho.

Tereza


Estrelinha Sammy



✰ 2011
Sammy


Sammy,
os dias passam devagar, e a saudade de ti é infinita.
Saiba meu bebê que parte de mim se foi quando você partiu,
Porque você teve que ficar tão pouco tempo meu amorzinho.
A alegria realmente existe por que sei que um dia nos reencontraremos,
até lá revejo suas fotos e guardo você dentro do coração,
aqui em casa está tudo do jeitinho que você deixou, e vai ficar assim enquanto eu viver.
Delicinha você vai ser pra sempre minha totozinha.
Maezinha te ama!

Zaida



sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Saudades... Rafleys



DOIS MESES SEM MEU RAFLYNHO

Tento fazer uma homenagem ao poodlezinho Rafleys, meu anjinho de quatro patas com quem tive a felicidade de conviver por quase 15 anos.
Não está sendo fácil escrever, pois é muito difícil descrever e encerrar um ser, um ser muito especial, com um espírito brilhante, um coração de ouro, com uma capacidade enorme de dar e de receber amor. Tenho de tentar por ele, para homenageá-lo e por mim, para recordá-lo.
Posso certamente afirmar que minha vida fica assim marcada: antes e depois de Rafleys. Antes, não cabe aqui comentar, mas depois, uma vida diferente, emocionante e apaixonante a cada dia. Prefiro omitir a expressão terrivelmente triste, pois apesar de toda a tristeza e sensação de vazio pelas quais estou passando hoje, após sua partida, não são sentimentos que quero atribuir-lhe, pois tenho consciência de que se dependesse dele, minha vida seria uma eterna fonte de felicidades.
Passamos juntos por tantos momentos hilários, tristes e felizes e, talvez por isso, nutríamos um grande amor um pelo outro. Fez-me tão feliz. Não era apenas o meu cachorrinho, o meu filhinho, mas meu companheiro, meu melhor amigo.
As lições que me ensinou são muito valiosas para me distanciar delas ou esquecê-las. Ofereceu-me as maravilhas do amor, da tolerância, do companheirismo e da lealdade. Ensinou-me mais sobre todos esses sentimentos que alguém algum dia poderá me ensinar. Não era nenhum “santinho”: tinha suas manhas, birras e pirraças, suas crises de ciúmes. Vez por outra teimava em fazer coisas erradas, como por exemplo, subir na mesa da sala e fazer xixi, quando o deixava em casa sozinho (hoje sorrio ao lembrar dessas bobagens).
Fez-me sentir útil e necessária e, o mais importante de tudo, fez-me sentir imensamente amada, pois podia perceber no brilho de seus olhos, no seu suspirar, o imenso amor que nutria por mim. Será que ele soube do meu grande amor por ele? Deu-me muita coisa. Sei que deu tudo que tinha. Deu-me amor e alegria suficientes para dez vidas.
Há exatamente dois meses o meu Raflynho desapareceu repentina e dolorosamente da minha vida. Encantou-se, virou estrelinha.
Meu coração está batendo num compasso diferente e os dias sem ele parecem não ter fim. Choro ao ouvir ou pronunciar seu nome, ao pegar em sua coleira e sentir seu cheiro tão familiar. Seus latidos ainda ecoam nos meus ouvidos. Olho suas fotos tiradas em diferentes ocasiões e não consigo entender porque toda aquela vida, aquele amor incondicional, aquela energia desapareceram bruscamente. Será que aquele focinho lindo e divertido, aqueles olhinhos com tanta expressão e brilho, aquele coraçãozinho que conheci melhor até que o meu próprio coração, o melhor amigo que ele se tornou para mim, realmente desapareceu e hoje só vivem em minha memória? Por que apesar de ter lhe dedicado (e recebido) tanto carinho e tanto amor eu o perdi? Achava que se dependesse do amor que tive e tenho, ele teria vivido cem anos ou mais, mas mesmo amando-o do fundo do meu coração, não foi suficiente para tê-lo comigo por mais tempo ou, talvez, eu não o merecesse.
Suas coisas ainda estão intactas, não suporto a idéia de me desfazer delas. Trabalho, tento preencher meus dias e noites, mas não consigo fugir do sofrimento da perda, das lembranças, nem da saudade (às vezes insuportável) dele. Por causa dos corações que oferecemos um ao outro, das inúmeras alegrias que partilhamos nesses quase quinze anos, não posso afastá-lo de mim.
Quero que sua memória viva eternamente. A dor ainda é muito grande, mas com certeza, se tivesse a oportunidade, voltaria ao tempo e começaria tudo de novo. Não trocaria esses anos por nada desse mundo. Não sinto nenhum arrependimento ou mágoa por mais duro que esteja sendo agora. Não dispenso um segundo dos que passei com ele.
Raflynho querido trago-o comigo no meu coração. Você estará sempre junto de mim de várias formas. Você fará para sempre parte da minha vida. Não quero nem posso lhe perder. Em meu coração, filhinho querido, você não morreu.
É um tesouro que guardarei e recordarei para sempre. Amo você Rafleys, meu filhinho, meu amigo, meu companheiro, meu amado, minha vida, meu amor. Obrigada por tudo. Perdoe-me por não ter conseguido evitar nossa separação física. Que Deus, São Francisco e a Mãe Natureza lhe abençoem, guardem e lhe amparem na sua viagem. Espero, acima de tudo, que você esteja feliz. Voltaremos a nos encontrar um dia.
Beijos, afagos e carinhos no seu enorme coraçãozinho.
Sua mãe que é loucamente apaixonada por você.

Vanda

quarta-feira, 16 de fevereiro de 2011

Bom Dia!!!





Bom dia!!!!
Um dia iluminado e na Paz!!!

quarta-feira, 9 de fevereiro de 2011

Estrelinha Miluzinha


✰07/02/2011

Miluzinha

ESSA É A MINHA AMADA FILHA MILUZINHA QUE SE FOI DIA 7/02/2011, QUANTA FALTA VC ME FAZ, A VIDA NUNCA MAIS SERÁ A MESMA SEM VOCE, AFINAL TUDO DE BOM QUE EU TINHA ERA VOCE FILHA, TE AMAREI PARA TODA A ETERNIDADE!!

Lucia

Estrelinha Cindy



Bru



quinta-feira, 3 de fevereiro de 2011

Estrelinha Mimoso


01/05/1996
✰21/12/2010
as 15 horas

ele viveu 14 anos 7 meses e 21 dias.

Mimoso

Mimoso, mais que um amigo cão, um anjo de 4 patas em nossas vidas.
Você vai sempre existir em nossa memória e coração.
Chegar em casa não te ver no portão, com aquela carinha séria de cachorro gostosão, não sentir teu cheirinho, olhar em seus olhos, um olhar tão doce,
ir almoçar e não ter você ao lado da mesa de cabeça baixa olhando para o prato esperando comida, não poder rir de você correndo para ouvir conversa deitando na porta do quarto ou banheiro, tudo isso é muito difícil, não ter mais um dia de volta. Jamais vamos te esquecer, você é o nosso melhor amigo, filho querido,
tão carinhoso, tranquilo, obediente, virou flor do nosso jardim.
Quero guardar as lembranças alegres do tempo que você era um cachorro forte e com saúde.
Toda sua dor no final da vida, carrego comigo escondida no peito, dor que não quero lembrar, por que sua partida arrancou parte do meu coração.
Obrigada Mimoso por ter sido esse cão tão único e maravilhoso,
certeza que jamais vamos encontrar cachorro igual a você.
Te amo Mimosinho!


Sul

Saudades... Nikita




Minha querida Nikita
Hoje faz 4 meses que vc se foi....


Ainda não consegui me conformar com a falta que vc me faz, choro quase todos os dias, é inevitável. Como a saudade dói. Por enquanto não consegui comprar ou adotar uma nova cachorrinha prá que seja minha companheira. Tenho medo, tenho muito medo de sofrer novamente. Vc foi única e será insubstituível eternamente. Onde vc estiver fique bem. Eu te amo e sempre te amarei. Brilhe estrelinha!


Sua eterna amiga e mãe Jô


quarta-feira, 2 de fevereiro de 2011

Saudades...Luck

Saudades... Luck

Filho amado,

hj fazem dois meses que lhe devolvi aos braços do Pai...

é muito chato tudo por aqui, pois sua alegria dava vida a essa casa;

os passarinhos, principalmente a Luanna,

o procura quando vou limpa-la, estica o pescoço em direção ao quarto

e grita lhe chamando... cara... vc está fazendo muita falta,

vc me veio em sonho do jeito que combinamos, mas mesmo assim o remorso rasga meu peito todos os dias. Jamais esqueça que sempre o amarei... Até o dia do nosso reencontro rapaz e me faz um favor, fique bem aí... Mãe Marcia.

Saudades...Perla





Saudades...

Hoje, dia 30, faz 1 mes que a minha Perlinha se foi
nos braços de São Francisco.
A saudade é grande minha bebê,mas meu consolo é que você
foi uma coelhinha muito amada e feliz.
Esteja em paz brincando com seus amiguinhos e espera
a mamãe pra gente se encontrar na Ponte do Arco Iris.
Te amo pra sempre minha Pepé.

Celeste


Linda Tarde!


terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

"Não Chore. Não se revolte. Compreenda."





Haverá um dia em que o destino irá nos separar definitivamente!
E quando esse dia chegar, não chores, apenas ame e pense em mim!
Se alguém perguntar "O que foi"? diga apenas que eu existia,
Mas, se alguém, perguntar o que fiz, diga que só fiz uma coisa:

Amei você!!!